O mundo não é tão ruim assim! Review de livro: Factfulness

Ninguém pode negar que 2020 não foi lá grandes coisas, e que 2021 tem um grande desafio pela frente. Particularmente falando, um de meus não tão bem sucedidos planos para o ano passado foi de escrever mais frequentemente aqui. E pra tentar fazer diferente em 2021, tentarei escrever reviews dos melhores livros que ler durante o ano. Fique à vontade para enviar qualquer feedback nos comentários abaixo, e espero que gostem! 🙌🏽

Para começar a nova série, trago o último livro que li em 2020: “Factfulness - 10 razões pelas quais estamos errados sobre o mundo - e por quê as coisas estão melhor que você pensa”. Assim como disse Bill Gates, Factfulness é sem dúvida “um dos livros mais importantes que já li”, e vou tentar te explicar por quê.

O que é Factfulness?

Factfulness, escrito por Hans Rosling, junto com seus dois colaboradores, Anna e Ola, seu filho e sua nora, traz uma explicação radical sobre porque o mundo está se tornando melhor e revela os instintos que fazem com que muitas vezes tenhamos visões distorcidas da realidade.

Rosling era médico e professor de Saúde Internacional na Suécia. Dedicou a sua vida a duas coisas: em primeiro lugar, ajudar comunidades em diversos países a alcançar melhores condições de saúde. Salvou milhares de vidas através de trabalho médico direto e apoiando os governos locais. A sua segunda era paixão desvendar mentiras e mitos sobre a atual situação do mundo.

No livro são cobertos tópicos como desenvolvimento econômico, saúde pública, crescimento populacional, e educação. Rosling, durante suas palestras e conferências pelo mundo, apresentou seus dados à autoridades, lideres governamentais e pessoas comuns, como eu e você. Surpreendementemente, 80% das pessoas normalmente apresentavem um desempenho pior que chimpanzés respondendo aleatoriamente às perguntas. Rosling então começou a investigar por que temos uma visão de mundo não só equivocada, mas em grande parte das vezes, mais drástica que a realidade.

O instinto da lacuna

O autor começa o livro mostrando a ideia de “Oriente e resto do mundo” que muitos de nós ainda carregam. Rosling quebra essa visão ao propor uma divisão do mundo em 4 níveis de desenvolvimento econômico:

  • Nível 1: renda diária de até 2 dólares
  • Níver 2: renda diária de até 8 dólares.
  • Nível 3: renda diária de até 32 dólares
  • Nível 4: renda diária acima de 32 dólares.

Com esse divisão, Rosling mostra que entre a pobreza extrema (nível 1) e a extrema riqueza (nível 4), existem os níveis 2 e 3. E adivinhem: existem 5 bilhões de pessoas nesses dois níveis intermediários. As pessoas pensam instintivamente em extremos opostos, negligenciando a ‘lacuna’ entre onde o verdadeiro desenvolvimento ocorre.

20210110 income levels
Income per person in dollars per day adjusted for price differences

A lacuna é o primeiro dos 10 instintos que compõem os capítulos do livro. Os instintos são formas intuitivas de pensar que se originaram durante a evolução de nossa espécie. Medo, generalização ou culpa podem ter sido úteis no passado para formar rapidamente julgamentos como preparação para a ação. Mas em nosso mundo complexo, os instintos obscurecem o julgamento racional, argumenta Rosling. Em vez disso, devemos estar cientes de nossas armadilhas mentais inatas e usar dados para fornecer contexto e revelar tendências.

Ponto negativo: mudanças climáticas

O livro, no entanto, recebeu algumas críticas por ser extremamente otimista, até mesmo em relação ao aquecimento global. Rosling menciona e reconhece o aquecimento global, mas falha ao negar o necessário senso de urgência.

Conclusão

20210110 factfulness Factfulness é uma coleção fantástica de experiências e insights que nos ajudam a entender melhor como temos evoluído. Os 10 instintos apresentados no livro, também nos ajudam a entender como alguns movimentos extremistas tem ganhado força recentemente, como movimentos anti-vacinas, fascistas, neo-nazistas, etc. No fim das contas, o autor quer que desviemos nosso foco aos cinco riscos reais de nossa humanidade: pobreza, pandemias, colapso financeiro terceira guerra mundial e alterações climáticas.

Minha nota final para o livro é 4,5/5. E deixo aqui a mensagem principal que levo após terminá-lo: nem tudo está tão ruim quanto parece. Nossos instintos podem nos enganar, então esteja sempre munido de dados e informações confiáveis. E um poquinho de história e positividade não faz mal a ninguém!

Feliz 2021 e até o próximo review! 👋🏽